ABCCC - Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos

Tudo o que você precisa saber sobre a final do Campeonato Nacional de Enduro

30 DE NOVEMBRO DE 2021 | Redator: Redação ABCCC

Mais um final de semana se aproxima e com ele mais uma final de modalidade da raça crioula. A cidade de Pelotas/RS, recebe a terceira e última etapa do Campeonato Nacional de Enduro do Cavalo Crioulo. Entre os dias 3 e 4 de dezembro, a Cabanha Las Xucritas (localizada na BR-116, Km 512) receberá os/as ginetes que disputam a Final nas quatro categorias: 80km, 50km, 30km e Endurinho (única e exclusiva para crianças).

 

Neste ciclo de 2021 foram realizadas duas etapas, a primeira na cidade de Dom Pedrito/RS e a segunda em Cachoeira do Sul/RS. Segundo a coordenadora da subcomissão da prova, Cristina Zambran, a expectativa está sendo excelente, “tivemos um número expressivo na última etapa do campeonato, aonde foram 53 inscrições nas diferentes categorias” e são esperados competidores de Aceguá, Dom Pedrito, Bagé, Rosário do Sul, Cachoeira do Sul e de Pelotas.

 

Após a prova terá o rankeamento dos ginetes enduristas e da cabanha endurista, que é feito pela ABCCC durante o ciclo 2021. Cristina explica que o ranking é o somatório dos pontos conquistas pelos ginetes e animais de criação de cada cabanha. Segundo ela, “mesmo com um ano de pandemia, tivemos um ano bem produtivo, com três etapas, com bastante cavalos competindo para a situação em que estamos vivendo e agradecemos todas as pessoas: ginetes, participantes, público, os criadores, expositores, todas as equipes envolvidas, todos os Núcleos e um agradecimento muito especial à ABCCC que tem dado o apoio e suporte para a realização de todas as etapas”.

 

A coordenadora ainda lembra aos Núcleos que tenham interesse em realizar provas em 2022 que entrem em contato com a ABCCC para mais etapas durante o novo ciclo.

 

>>> Confira o catálogo do Campeonato Nacional de Enduro

 

O último evento da modalidade no ano contará com a presença da diretoria da ABCCC e premiará* os ganhadores de 1º, 2º e 3º Lugar nas categorias 80km, de 50km, e 30km, conforme a tabela abaixo:

 

Colocação

80km

50km

30km A

1º Lugar

R$ 3.000,00

R$ 2.500,00

R$ 1.000,00

2º Lugar

R$ 2.000,00

R$ 1.500,00

R$ 500,00

3º Lugar

R$ 1.000,00

R$ 750,00

R$ 300,00

 

Além da premiação oferecida pela ABCCC, Josapar, Insumos e Puro Grão oferecerão uma premiação extra aos ganhadores. Será o Prêmio Incentivo Enduro Categoria 30 Km A e B, conforme a tabela:

 

Colocação

30km A

30km B

1º Lugar

R$ 1.800,00

R$ 1.800,00

2º Lugar

R$ 1.000,00

R$ 1.000,00

3º Lugar

R$ 600,00

R$ 600

4º Lugar

R$ 400

R$ 400

5º Lugar

R$ 200

R$ 200

 

O evento é aberto ao público, mas será exigido o passaporte vacinal e relizada a aferição de temperatura, sempre respeitando a capacidade máxima do local.

 

Entenda o que é o Enduro

 

O Enduro testa a resistência tanto do cavalo como do ginete. A disputa possui três categorias: Iniciante A e B (30km), Intermediária (50km) e Principal (80km). Enduro é uma prova que visa a observar o conjunto entre cavalo e cavaleiro, na qual ambos buscam superar seus limites no que diz respeito à resistência, velocidade e capacidade de recuperação frente a obstáculos naturais, terrenos e distâncias variadas. Como em outros esportes equestres, o Enduro procura preservar a integridade física do ginete e dispensa uma atenção muito especial à saúde, bem-estar e futuro atlético do equino, tornando, assim, um esporte em que as exigências físicas dos competidores cavalo/cavaleiro são elevadas ao extremo, mas com muita cautela e prudência por parte dos profissionais envolvidos neste tipo de competição.

 

 

 

PROGRAMAÇÃO FINAL DO ENDURO 2021

03 a 04/12/2021 – Cabanha Las Xucritas em Pelotas/RS

 

03/12/2021 – Sexta-feira

 

Até às 15h – Entrada dos animais

15h – Admissão e Vetcheck dos animais

17h – Reconhecimento do percurso

18h30 – Reunião com os competidores

 

04/12/2021 – Sábado

 

07h – Largada – 80km

08h – Largada – 50km

15h – Largada – 30km A e B

17h – Endurinho

 

*A premiação anunciada está sujeita à retenção do imposto de renda na fonte, na forma da lei